Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Feel Me

Sou tudo o que escrevo e escrever é o que me move!

Feel Me

Sou tudo o que escrevo e escrever é o que me move!

Seg | 30.11.15

Vou confessar...

sueamado
Feelme/Vou confessar...


Não sei jogar, não entendo as relações como dois lados opostos, porque se o forem jamais se transformarão em apenas um!

Não quero ter que te pedir para que olhes para mim, já não, sinto-me numa tranquilidade tão profunda, que por vezes quase que me sinto a flutuar, tão leve que a ideia de nunca chegares a ser meu deixou de me perturbar. Cada um de nós terá aquilo para o qual "trabalhar", e o que tiver que ser nosso, sê-lo-à com toda a certeza, mas sem forçar e sem ter que implorar.

Gostar de alguém, sentindo, nem sempre de imediato, que será com ela e por ela que conseguiremos superar o que vier, faz com que tudo se encaixe e faça sentido, mas nunca pela imposição, porque quando não estiver claro para uma, não estará onde deve.
Gostar de alguém é um acto tão natural como respirar, e sem ar ninguém vive.
Gostar de alguém é ter certezas, não deixando que o medo se instale.
Gostar de alguém é perceber que ele pode ter o prazo que cada um lhe atribuir.

Tudo é tão efémero, e tão frágil, que percebi não valer a pena desgastar-me para te conquistar. Quem me quiser querer que me cuide, para que eu possa acreditar, mesmo. Palavras, uiii, essas têm um eco tão próprio em mim, que usar, mesmo que ao de leve, a errada, significará o fechar da única porta pela qual poderiam entrar. Não sou pretensiosa, vim apenas "armada", de nascença, com uma capacidade que enlouquece muita gente, mas quem não souber como me segurar, por palavras, então que use, uma única vez, a certa, e ficará totalmente livre de amarras. Palavras usadas sem cuidado, provam apenas que a pessoa a quem as dirigimos não tem qualquer valor

A insegurança é dolorosa, a dúvida é feia, e ambas, juntas, não valem o resultado final. JAMAIS, mesmo arriscando o arrependimento, forçarei alguém a ver o que esteve sempre lá. JAMAIS darei amor a quem não fizer por me merecer. JAMAIS voltarei para o ponto de partida, recomeçando o que nunca terminará da forma certa. JAMAIS voltarei a estar disponível quando a indisponibilidade se instalar.

Já me confessei, tal como já me redimi, deixando de ser responsável por outra pessoa que não eu mesma!